Resultados da busca para "plantio-e-manejo-de-plantas-medicinais"

Itens por página:

Colheita e secagem de plantas medicinais

Colheita e secagem de plantas medicinais

Cultivar plantas medicinais com fins comerciais requer planejamento e conhecimento de técnicas determinantes para a boa produtividade. Dois fatores, que impactam diretamente na qualidade das ervas medicinais, são a colheita e a secagem. Ambos devem ser criteriosamente planejados para garantir a integridade dos princípios ativos das plantas.

Conheça algumas plantas medicinais ideais para fazer chás

Conheça algumas plantas medicinais ideais para fazer chás

Celso Trindade e Maria Luiza Satório, professores do Curso Online UOV Farmácia Viva – Utilização de Plantas Medicinais, anunciam que cultivar plantas medicinais é uma alternativa para se ter acesso imediato ao alívio de problemas de saúde simples como dores de cabeça, de estômago, resfriados, entre outros. Mas, para usá-las, é preciso estar atento para que não se perca a propriedades curativas.

Plantas que curam: conheça os benefícios das terapias com plantas medicinais

Plantas que curam: conheça os benefícios das terapias com plantas medicinais

O tratamento de doenças a partir do uso de plantas medicinais é uma prática milenar e que passa de geração em geração. Atualmente, com o crescimento da indústria farmacológica, as terapias naturais têm sido substituídas por remédios alopáticos. Porém, é comprovado cientificamente que muitas plantas realmente possuem propriedades curativas e trazem diversos benefícios para os seres humanos.

Confira o novo Curso Online UOV Plantio Direto

Confira o novo Curso Online UOV Plantio Direto

No plantio direto, por não existir preparo do solo, a cobertura de matéria orgânica passa a contribuir na agregação do solo e na melhoria da sua estrutura. Já no plantio convencional, a incorporação de calcário no solo por meio de grades e escarificadores promove a correção do solo em apenas parte da camada arável.

Conheça as principais plantas medicinais

Conheça as principais plantas medicinais

A tradição de usar remédios caseiros para a cura de doenças comuns, como gripes, resfriados e problemas digestivos está presente em todos os lares. Cada família conhece pelo menos uma receita caseira. E essas receitas sempre utilizam plantas medicinais. Elas passam de geração a geração e têm sobrevivido ao passar do tempo e ao crescimento da medicina alopática e dos remédios sintéticos.

Fazendo tintura para tratamentos caseiros

Fazendo tintura para tratamentos caseiros

Um dos usos de plantas medicinais, extraindo e mantendo ativas todas as suas propriedades, é a fabricação de tinturas medicinais, que são preparadas com álcool e permitem a armazenagem por um longo período. O álcool tem a função de extrair e conservar os princípios ativos das plantas usadas.

Quer plantar mil-folhas? Saiba como

Quer plantar mil-folhas? Saiba como

A Achillea millefolium é conhecida popularmente como mil-folhas. Sua origem vem da Austrália, Europa e América do Norte. No Brasil, Paraná é o estado com maior área plantada devido às boas condições climáticas da região e às técnicas de cultivo. Planta perene, ela pode alcançar até 50 cm de altura, com folhas lembrando penas.

Saiba mais sobre manejo de frangos de corte

Saiba mais sobre manejo de frangos de corte

Para se tornar um negócio promissor e rentável, o manejo de frangos de corte deve seguir técnicas específicas, próprias da criação, além de cuidados importantes com a limpeza, a temperatura, a cama do aviário, a apanha das aves e o transporte. Em pouco mais de 40 dias, as aves já estão prontas para o abate, o que movimenta o capital de giro e garante rápido retorno do investimento.

Saiba mais sobre manejo alimentar de cavalos

Saiba mais sobre manejo alimentar de cavalos

Em relação aos cavalos, o correto manejo alimentar proporciona animais eficientes e rentáveis, aptos a explorarem todo seu potencial físico. Algumas regras gerais devem ser criteriosamente seguidas, como fornecer os alimentos em pequenas quantidades (várias vezes ao dia), não trabalhar o animal logo após uma ração copiosa e deixar água limpa e fresca sempre disponível.

Confira boas práticas de manejo para aquicultura

Confira boas práticas de manejo para aquicultura

Ao lidar com a produção de organismos aquáticos, como peixes, é importante estar atento às boas práticas de manejo para a aquicultura, ou BPM. Elas determinam medidas simples e eficazes para otimizar o funcionamento do viveiro e garantir uma produção correta e lucrativa, além de ajudar ao meio ambiente, evitando e prevenindo impactos ambientais.

Fique por dentro das novidades! (Artigos, notícias, dicas, promoções e muito mais)

Universidade Online de Viçosa © 2006 - 2021. Todos os direitos reservados
Rua Dr. João Alfredo, 130 - Bairro Ramos, Viçosa - MG / CEP: 36570-254
CNPJ: 21.183.196/0001-77

Empresa Genuinamente Brasileira Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Ligamos para Você