Dicas para preparar um torresmo sequinho e crocante

Preparar um torresmo de qualidade crocante não é uma tarefa tão simples quanto muitos pensam

Torresmo

O torresmo é um aperitivo de grande aceitação por parte dos consumidores, sempre acompanhando caldos, tutu de feijão, tropeiro e, principalmente, servido como tira-gosto.

Na verdade, preparar um torresmo de modo que ele fique sequinho e crocante não é uma tarefa tão simples quanto muitos pensam. No mais, “existem diversas receitas, porém todas elas baseiam-se na escolha do pedaço do toucinho, em prepará-lo a gosto e fritá-lo até o ponto certo. Como ponto certo, entende-se o ponto que se deseja no torresmo. Este ponto pode ser aquele para armazenar e, posteriormente, fritar, ou o ponto para consumo imediato”, explica Newton de Alencar, professor e responsável técnico do Curso Online Industrialização de Carne Suína, da Universidade Online de Viçosa.

Para descobrir os segredos de um torresmo realmente delicioso, confira abaixo algumas dicas de especialistas.

Escolha do toucinho

Você pode escolher entre duas opções: barriga ou panceta. A diferença entre elas é que a primeira é mais gorda, formando, assim, torresmos menores e bem mais crocantes, e a segunda tem mais carne que gordura, dando origem a petiscos carnudos e macios.

Os dois tipos são muito deliciosos, cabendo a você optar segundo seu gosto ou finalidade do preparo.

Preparo antes da fritura

O pré-preparo pode ser feito de diversas formas, por isso apresentaremos três maneiras diferentes, todas elas executadas por chefs que entendem do assunto.

A primeira consiste em cozinhar o toucinho por cerca de dez minutos em água e sal para que o cozimento deixe a carne e pele mais macias antes da fritura.

A segunda utiliza a técnica de marinação: deixe a peça descansar por seis horas em uma mistura de água, sal e um pouco de bicarbonato. Passado esse tempo, pendure-a em um defumador ou mesmo no alto de uma churrasqueira por, aproximadamente cinco horas ou até que a pele fique seca. Isso possibilita um torresmo bem mais sequinho, pois parte de sua gordura se perde nesse processo.

Por fim, a terceira dica é temperar com sal e pimenta a peça já cortada em pedaços e deixá-la descansar por 24 horas. Em seguida, levar o toucinho ao fogo médio para que ele solte sua gordura. Depois de já ter saído bastante óleo, abaixar o fogo e deixar fritando na própria gordura com a panela tampada até que fiquem macios.

Refrigeração

Experimente colocar o toucinho na geladeira por algumas horas antes de fritar para que ele adquira consistência mais firme e promover um choque térmico no momento da fritura, o qual proporciona maior crocância.

Hora de fritar

Assim como no preparo dos toucinhos, a fritura também pode seguir procedimentos diferentes. Um deles é fritar os torresmos primeiramente em óleo a 150°C por 8 minutos até ficarem dourados e depois a 190°C por mais 3 minutos para que fiquem macios por dentro e secos por fora. Outra alternativa é fritar todo o toucinho em fogo baixo até atingir o ponto desejado.

 

Adquira o Curso Online Industrialização de Carne Suína da Universidade Online de Viçosa e aprenda a produzir e preparar muitos outros produtos deliciosos.

 

Fonte: Comidas e Bebidas - comidasebebidas.uol.com.br

Por Bruna Falcone Zauza

 

Receba Mais Informações

A UOV garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Universidade Online de Viçosa © 2006 - 2017. Todos os direitos reservados
Rua Dr. João Alfredo, 130 - Bairro Ramos, Viçosa - MG / CEP: 36570-000
CNPJ: 21.183.196/0001-77 Inscrição Estadual: 002455277.00-20
(31) 3899-7000 / adm@uov.com.br

Empresa Genuinamente Brasileira Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Ligamos para Você