Evite e combata queimadas

As queimadas são problemas ambientais que podem prejudicar a fauna, a flora e até os produtores agrícolas

Queimada

As queimadas são problemas ambientais que ocorrem durante o ano todo, tendo, na estiagem, a época com maior incidência. Na estiagem não há chuvas e as plantas ficam mais ressecadas, sendo necessária apenas uma pequena faísca para dar início a uma queimada de grandes proporções, destruindo vegetações e matando animais. E essa queimada também pode chegar a destruir que áreas produtivas como lavouras e pastagens, provocando grandes prejuízos a alguns produtores.

Guido Ribeiro, professor do Curso Online UOV Formação e Treinamento de Brigada de Incêndio Florestal, destaca que os efeitos provocados pelos incêndios florestais destacam-se por serem devastadores e por provocarem diversos danos aos componentes do ecossistema.

Além do impacto na fauna e na flora, as queimadas impactam a camada de ozônio por lançarem no ar gases que aumentam o efeito estufa, preocupação mundial. Ainda que sejam monitorados por satélites, os focos de incêndio florestal crescem num ritmo bastante acelerado, enviando toneladas desses gases à atmosfera e potencializando o efeito estufa, provocando o aquecimento global, mudanças climáticas e outras devastações ecológicas.

Em relação às causas, o que mais preocupa é que muitas delas são provocadas pelos próprios produtores, que incendeiam pastagens para, posteriormente, começar uma nova cultura. Se tornam causadores diretos desses problemas ambientais, muitas vezes prejudicando outros produtores. Também há o problema do descaso e do descuido, como o simples descarte de um cigarro aceso pela janela do carro e a prática, considerada crime, de “soltar balões”, principalmente na época da seca.

É fundamental ressaltar a responsabilidade de cada produtor de fiscalizar e cuidar da sua região. Essa ajuda é de extrema importância, pois as autoridades pouco podem fazer para diminuir as proporções dessa devastação. Algumas ações podem ser feitas para evitar que as queimadas tomem grandes proporções e provoquem devastação da fauna e da flora por grandes áreas:


- Ainda que pareça que a queimada em um pasto ou lavoura seja facilmente controlada, ela nunca deve ser feita;

- Os funcionários, ainda que seja difícil de fiscalizar, devem ser proibidos de fumarem no pasto e próximo às lavouras. Essa proibição intimida alguns com a possibilidade de perderem o emprego e a atenção quanto a isso é redobrada;

- Caso alguma área a vegetação se apresente mais ressacada, deve-se molhá-la para evitar ou ajudar a conter algum foco de incêndio;

- Realizar a capina de faixas de terra, deixando-as limpas e usando-as no isolamento de outras áreas com perigo de ocorrência de incêndio.

São várias as medidas que podem ser tomadas para evitar as queimadas. Uma unidade dos bombeiros poderá dar mais orientações para preveni-las. Ainda, é preciso conscientizar todas as pessoas que estão envolvidas na fazenda do produtor para que as medidas sejam entendidas por todos, pois esse é o primeiro passo para garantir a segurança da vegetação e evitar, além das queimadas e do impacto ambiental, os enormes prejuízos que elas podem causar.

Conheça nossos Cursos Online da Área Meio Ambiente:


Formação e Treinamento de Brigada de Incêndio Florestal
Técnicas de Avaliação de Impactos Ambientais
Aterro Sanitário – Planejamento e Operação

Fonte: Rural News – ruralnews.com.br
por Renato Rodrigues

Sugestão de Curso

Deixe seu comentário!

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

Receba Mais Informações

A UOV garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Fique por dentro das novidades! (Artigos, notícias, dicas, promoções e muito mais)

Universidade Online de Viçosa © 2006 - 2018. Todos os direitos reservados
Rua Dr. João Alfredo, 130 - Bairro Ramos, Viçosa - MG / CEP: 36570-254
CNPJ: 21.183.196/0001-77

Empresa Genuinamente Brasileira Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Ligamos para Você