Vai criar rãs? Aprenda a escolher os reprodutores

Entre aqueles animais candidatos ao acasalamento, o ranicultor deverá selecionar aqueles reprodutores que apresentam as características de maior aptidão sexual

Vai criar rãs? Aprenda a escolher os reprodutores   Artigos Cursos UOV

 

Cada reprodutor deve estar numerado ou identificado por código de marcação (corte de dedos e ou artelho), sendo assim será possível saber qual animal deve (ou pode) acasalar-se com quem, para evitar os problemas de consanguinidade. Com os reprodutores numerados, o ranicultor também poderá saber quem ainda não reproduziu, e assim por diante.

“Entre aqueles animais candidatos ao acasalamento, o ranicultor deverá selecionar aqueles reprodutores que apresentam as características de maior aptidão sexual, demonstrados no caso dos machos, pela constante vocalização (emissão de sons ou canto), comportamento agressivo para manter seu território, forte compressão dos braços quando estimulados (amplexo), além da proeminência dos seus acúleos nupciais (esponjas nos dedos), e da região gular (papo)”, afirma Dr. Samuel Lopes Lima, Biólogo, Mestre em Zoologia Aplicada, Doutor em Ecologia e Recursos Naturais, especializado em Aquicultura/Ranicultura.

No caso das fêmeas, exige sensibilidade e maior experiência do ranicultor, para poder identificar aquelas rãs que apresentem o abdômen mais proeminente, em razão do desenvolvimento do oviduto, indicando estar em maturação avançada.

Deve ser evitada a estratégia utilizada na maioria dos ranários, por ser mais simples ou não exigir nenhum manejo reprodutivo por parte dos ranicultores. Eles deixam os reprodutores em uma única bais durante todo o ano. Os acasalamentos ocorrem aleatoriamente, sem nenhum tipo de controle ou interferência do criador. Esse procedimento resulta na obtenção de desovas durante o período reprodutivo, porém não permite o aprimoramento genético do plantel e amplia os riscos da ocorrência dos efeitos deletérios resultantes da endogamia (má formação, elevada mortalidade, baixo índice de crescimento, entre outros).

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos Online, da área Piscicultura.
Por Silvana Teixeira.

Sugestão de Curso

Deixe seu comentário!

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

Receba Mais Informações

Se preferir, clique aqui e mande-nos um WhatsApp.
A UOV garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Fique por dentro das novidades! (Artigos, notícias, dicas, promoções e muito mais)

Universidade Online de Viçosa © 2006 - 2019. Todos os direitos reservados
Rua Dr. João Alfredo, 130 - Bairro Ramos, Viçosa - MG / CEP: 36570-254
CNPJ: 21.183.196/0001-77

Empresa Genuinamente Brasileira Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Ligamos para Você