Como são elaborados os vinhos tintos?

Entenda e conheça todo o processo

Taça de vinho tinto

O vinho é uma bebida natural. Por definição, ele é resultado da fermentação das uvas que acontece quando as leveduras (fungos microscópicos), presentes nas cascas das uvas, penetram no fruto e transformam os açúcares da uva (glicose e frutose) em álcool etílico e gás carbônico.

O processo da fermentação só termina quando o açúcar acaba, ou seja, quando é todo transformado em álcool, ou quando o álcool atinge uma determinada concentração (em geral 16%) e as leveduras morrem naturalmente.

Etiene Carvalho e Marcos Rachelle, professores do Curso Online Segredos do Vinho – Compra, Armazenamento, Degustação e Harmonização, da Universidade Online de Viçosa, definem que "o processo de elaboração dos vinhos tintos acontece, de modo genérico, da seguinte forma: colheita, desengace, esmagamento, fermentação, prensagem e engarrafamento."

Após a colheita e seleção das uvas viníferas tintas, elas são levadas para as desengaçadeiras, para que sejam separadas dos engaços. Em seguida, são esmagadas levemente em um local apropriado para romperem as cascas. Suco e casca são colocados juntos em um recipiente destinado à fermentação. O contato entre o suco e a casca é chamado de maceração, e o tempo varia de acordo com o tipo de vinho que se deseja produzir. Isto é, quanto maior o tempo de maceração, mais cor e taninos terá o vinho. Quanto menor o tempo de maceração, menos cor e menos taninos.

Todo processo de fermentação deve ocorrer à temperatura controlada que fica mais ou menos entre 25ºC e 32ºC. Durante a fermentação, a temperatura pode influenciar nos aromas e sabores do produto final. O tempo de fermentação dos tintos varia entre uma e sete semanas, dependendo do tipo de vinho a ser produzido.

Depois de fermentado, o mosto vai ser separado de suas partes sólidas e transferido para outro recipiente. Em seguida, o vinho quase pronto vai ser submetido a processos de filtragem e estabilização. As partes sólidas serão prensadas e produzirão um vinho inferior chamado vinho de prensa, utilizado, em geral, para fazer vinhos muito simples ou para brandies e grapas.

Por último, o vinho passa por maturação em barricas de carvalho, ou segue diretamente para ser engarrafado e, posteriormente, envelhecido ou comercializado.


Conheça nosso Curso Online Segredos do Vinho – Compra, Armazenamento, Degustação e Harmonização


por Renato Rodrigues

Deixe seu comentário!

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

Receba Mais Informações

A UOV garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Fique por dentro das novidades! (Artigos, notícias, dicas, promoções e muito mais)

Universidade Online de Viçosa © 2006 - 2018. Todos os direitos reservados
Rua Dr. João Alfredo, 130 - Bairro Ramos, Viçosa - MG / CEP: 36570-254
CNPJ: 21.183.196/0001-77

Empresa Genuinamente Brasileira Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Ligamos para Você